segunda-feira, 2 de março de 2015

BANCADA FEDERAL DO MARANHÃO AINDA HIBERNA



PELA PRIMEIRA VEZ NA HISTÓRIA DA POLÍTICA MARANHENSE A BANCADA NA CÂMARA FEDERAL RENOVOU 79,2%



Pela primeira vez na história da política maranhense a bancada na Câmara Federal renovou em 79,2% Mas nada que  assuste. 

Afinal, levando-se em conta os casos de desistência por motivos de saúde (Nice Lobão) ou por não querer mais entra na disputa (Pedro Novais) e sem contar com aqueles que entraram em chapas majoritárias (Gastão e Brandão), a renovação não foi consequência das urnas diretamente Dos mais antigos, apenas Kléber Verde (PRB), Pedro Fernandes (PTB), Sarney Filho (PV) e Waldir Maranhão (PP) se reelegeram. Do quadro da bancada atual, nada difere da passada. Lenta, paquidérmica, infrutífera e sem resultados.


      



Ainda é cedo para se cobrar exemplos de atuações que possam ganhar destaques no plenário e fora dele da Câmara Federal. Algumas iniciativas demagógicas e sem nenhuma viabilidade técnica. como a de Hildon Rocha que deseja o dinheiro recuperado pela Lava Jato aplicado na refinaria Premium no Maranhão.



Uma proposta sem sentido diante do rombo que a Patrobrás se enfiou e que lavará dezenas de anos para recuperar sua credibilidade. Sua dívida é de mais de R$ 10 bilhões.  Júnior Marreca destinou R$ 1 milhão de suas emendas (R$ 10 milhões) para a agricultura do Maranhão. Com esse recurso, o lavrador não terá condições nem para se equipar em todas as roças.
O restante sabe que ainda é cedo para fazer alguma coisa, aguarda o cenário para se apresentar. O pior é que o palco ainda nem foi armado.
Confira abaixo a relação da atual bancada federal do Maranhão:

Kléber Verde (PRB)
Sarney Filho (PV)
Pedro Fernandes (PTB)
Victor Mendes (PV)
João Marcelo (PMDB)
Eliziane Gama (PPS)
Rubens Júnior (PCdoB)
Zé Reinaldo (PSB)
Waldir Maranhão (PP)
João Castelo (PSDB).
Juscelino Filho (PRP)
Aluísio Mendes (PSDC)
André Fufuca (PEN)
Júnior Marreca (PEN).
Zé Carlos (PT)
Weverton Rocha (PDT)
Julião Amin (PDT)