quarta-feira, 20 de maio de 2015

"FAÇA O QUE EU DIGO, NÃO O QUE EU FAÇO": CADÊ O EXEMPLO?

Líder do movimento 'Vem Pra Rua' é flagrado batendo ponto sem trabalhar

 

Vídeo foi feito em 2013 e mostra Armando Fontoura, então funcionário do vereador Luiz Emanuel, saindo de Câmara

 Espírito Santo - Um dos organizadores do movimento "Vem Pra Rua" no Espírito Santo foi flagrado por câmeras de segurança da Câmara Municipal de Vitória batendo ponto de presença e indo embora sem trabalhar. O fato aconteceu em março de 2013, mas o vídeo só foi "vazado" nesta semana. Nas imagens, Armando Fontoura, de 23 anos, aparece vestindo bermuda, sandálias e óculos escuros. O movimento "Vem Pra Rua" foi um dos responsáveis pelos protestos contra a corrupção em todo o Brasil.

 

     
    Em janeiro de 2013, Armando Fontoura foi nomeado assessor parlamentar do vereador Luiz Emanuel e pediu demissão em março do mesmo ano por "divergências partidárias". Em nota publicada em sua página no Facebook, o jovem pediu desculpas à sociedade e aos militantes do PSDB e afirmou que o vereador Luiz Emanuel foi o responsável por induzi-lo ao erro. 

    Ele alegou que estudava de manhã quando foi contratado pelo vereador, então teria sido orientado pelo parlamentar a sair da faculdade, bater o ponto, ir almoçar e voltar pra Câmara. Armando afirmou que após se desligar voluntariamente do gabinete de Luiz Emanuel, passou a ser "perseguido" pelo parlamentar.

 

 "Em março de 2013, me desliguei voluntariamente do gabinete do Vereador Luiz Emanuel, devido a divergências partidárias e programáticas com o mesmo e, desde então, passei a ser alvo de dezenas de investidas de sua pessoa e de sua equipe no trabalho partidário que realizava. (...) Em janeiro deste ano, me foi enviado em tom de ameaça e intimidação um vídeo em que eu aparecia batendo o ponto na Câmara de Vitória em março de 2013, dizendo que se eu não recuasse de minha intenção de formar uma chapa para disputar o diretório de Vitória do PSDB, esse vídeo seria repassado para a imprensa", escreveu Armando em sua página no Facebook.

"Cometi um erro em 2013 que me serviu de lição e me fez refletir e intensificar meus esforços no combate à corrupção administrativa. E nessa reflexão, compreende-se cada vez mais que o político ser honesto é obrigação moral, um pré-requisito, não virtude que o diferencia dos demais", afirmou na rede social.

   Neste domingo, Armando foi eleito secretário-geral do PSDB da capital, pela chapa 2 – "De Volta ao Pulsar das Ruas".

 O DIA

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Política de moderação de comentários:
A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.