quinta-feira, 25 de junho de 2015

ESTUPRO COLETIVO: VÍTIMAS SE ENCONTRAM PELA PRIMEIRA VEZ APÓS O CRIME

JOVENS de Castelo se reencontram pela 1ª vez após crime



Na manhã de quarta-feira (25/06) as três sobreviventes do crime ocorrido no dia 27 de maio em Castelo do Piauí foram ouvidas no Complexo da Cidadania, localizado ao lado do Hospital de Urgência de Teresina (HUT).
A audiência que começou por volta das 9 horas da manhã e teve duração de 3 horas. As duas adolescentes que já tinham recebido alta do hospital foram as primeiras a prestar depoimento, uma ainda estava em uma cadeira de rodasdevido às sequelas deixadas pelo trauma. A última a ser ouvida pelo promotor Cesário de Oliveira foi a terceira jovem, que ainda está internada no HUT.


Ela foi liberada pela equipe médica do HUT e levada Complexo da Cidadania a fim de que fosse ouvida em audiência. Ela chegou em um carro particular acompanhada pela mãe e, coberta com o pano na cabeça, foi levada de cadeira de rodas até a sala de audiência.
Uma das jovem que ainda se encontra em uma cadeira de rodas foi a primeira a ser liberada do Complexo, ela saiu às 12 horas em um carro particular.
IMG-20150625-WA0011.jpg
Logo em seguida a segunda jovem que está caminhando e apresenta uma quadro clínico melhor que as demais também foi liberada do complexo em um outro carro particular.
IMG-20150625-WA0017.jpg
A terceira jovem foi a última a ser liberada, ela que depôs por último, saiu da audiência diretamente para o HUT.
O Diretor do HUT, Gilberto Albuquerque, informou que a jovem está bem melhor, consciente e que mesmo esquecendo de algumas coisas devido ao traumatismo craniano ela lembra de vários fatos ocorridos.
Ele afirma que ela só não teve alta ainda por conta do tratamento do trauma com medicamentos específicos que não pode ser feito em casa, mas que mesmo assim ela teria condições de depor.
O diretor afirma que por ela estar apresentando um quadro clínico satisfatório a previsão é que ela possa receber alta ainda no final desta semana.
IMG-20150625-WA0018.jpg
AS TRÊS SE ENCONTRARAMDe acordo com o promotor as três adolescentes se encontraram pela primeira vez após o crime ocorrido em Castelo, elas se abraçaram e a terceira jovem que ainda permanece internada no HUT sem ainda saber dos últimos acontecimentos perguntou ao promotor por Danielly, a quarta vítima do crime que faleceu no dia (07/06).
O JUIZO juiz do caso disse ainda não poder falar sobre a audiência das três adolescentes, mas afirma que para ele todos os menores junto com Adão têm total envolvimento no crime contra as jovens.
Publicado Por: Milenna Barros

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Política de moderação de comentários:
A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.