segunda-feira, 27 de julho de 2015

No meio dos escombros da maior enchente da sua história, uma cidade encontra uma Bíblia aberta

No meio dos escombros da maior enchente da sua história, uma cidade encontra uma Bíblia aberta

No meio dos escombros da maior enchente da sua história, uma cidade encontra uma Bíblia aberta

E a mensagem é surpreendente!

cidade de Coronel Freitas, no Oeste de Santa Catarina, foi dramaticamente atingida na semana passada pela maior e mais violenta enchente de sua história. A força brutal das águas destruiu casas, empresas e vias públicas, além de matar uma jovem de 32 anos, que, arrastada pela correnteza, deixou marido e filha pequena.
e uma das muitas casas completamente destruídas, a água levou embora a geladeira, os fogões, as panelas, a mesa, as cadeiras… O que não foi arrastado ficou reduzido a entulho, junto com a própria estrutura da casa. Em meio aos escombros, foram achados pedaços de documentos, fotos de família e… uma Bíblia.




A Bíblia, suja de lama, secou e endureceu. Não há mais como folheá-la. Ela ficou aberta, no entanto, e, sob as marcas de um pneu de carro que passou por cima do livro sagrado, o Evangelho segundo São João, no capítulo 20, diz:

Na tarde do mesmo dia, que era o primeiro da semana, os discípulos tinham fechado as portas do lugar onde se achavam, por medo dos judeus. Jesus veio e pôs-se no meio deles. Disse-lhes ele: A paz esteja convosco! Dito isso, mostrou-lhes as mãos e o lado. Os discípulos alegraram-se ao ver o Senhor. Disse-lhes outra vez: A paz esteja convosco! Como o Pai me enviou, assim também eu vos envio a vós. Depois dessas palavras, soprou sobre eles dizendo-lhes: Recebei o Espírito Santo (…) Fez Jesus, na presença dos seus discípulos, ainda muitos outros milagres que não estão escritos neste livro. Mas estes foram escritos, para que creiais que Jesus é o Cristo, o Filho de Deus, e para que, crendo, tenhais a vida em seu nome.

O Espírito Santo é o “sopro” do Deus vivo. O sopro da vida, do renascimento, da renovação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Política de moderação de comentários:
A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.